quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Trabalho de Conclusão de Curso

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
SERVIÇO SOCIAL



TÂNIA MARA AUGUSTO



                                                                             










                                       
VIOLÊNCIA CONTRA IDOSOS:
UM MAL SILENCIOSO
                                              
                                                                       











                                                                                    



Rolim de Moura
2013



                                   TÂNIA MARA AUGUSTO


                                                                                                             













VIOLÊNCIA CONTRA IDOSOS:
UM MAL SILENCIOSO
                                              









                                                        


Trabalho de conclusão de curso apresentado a UNOPAR – Universidade norte do Paraná, como requisito parcial para a obtenção do título de Bacharel em Serviço Social.

                                                                  Orientadora: Maria Lucimar Pereira




Rolim de Moura
2013








                                                                                         


















Dedico este trabalho a todos que diretamente ou indiretamente, me impulsionaram a chegar até aqui, principalmente a minha família que sempre estiveram presentes em minha vida nos bons e maus momentos, me dando força para alcançar mais essa conquista.






AGRADECIMENTO

Para realizar um sonho e conquistar nossos objetivos muitas vezes enfrentamos um caminho árduo e penoso, que nos exige muita dedicação e perseverança para poder seguir em frente e vencer os obstáculos encontrados no caminho.
Requer sensibilidade e disposição para buscar sempre mais, pois muitas vezes o caminho se torna tortuoso demais para que possamos seguir em frente. E o que nos mantém firmes e persistentes e o apoio das pessoas que fazem parte da nossa vida.
Agradeço a Deus por me permitir concluir o curso de Serviço Social, e sua presença em minha vida me concedendo força para superar os momentos de angústias e os desafios que encontrei ao longo destes quatro anos, e também por me proporcionar tantas alegrias.
A minha família pela compreensão e pelo apoio para que tudo isso se tornasse possível, principalmente meu pai Antonio e minha mãe Nilda por estarem sempre me apoiando, me ajudando em tudo que estava em seu alcance, e também o meu esposo Hedegildo por suas palavras de apoio seus conselhos valiosos que eu espero ter conseguido usá-los no meu dia a dia como estudante e como pessoa, e também a minha filha Maísa pela sua presença mais do especial para mim, ela é a luz da minha vida, por quem eu busco o melhor da vida.
A meus colegas de sala pela troca de informações, as novas amizades geradas através da convivência na faculdade, nos estágios e também muito importante para mim as duas tutoras de sala que tive durante os quatro anos, primeiro a tutora Celina que esteve conosco a maior parte desse período e também a tutora Francelize e a todos os professores da UNOPAR que estiveram transmitindo seus conhecimentos para assim nos formar profissionais competentes.
À instituição Universidade Norte do Paraná, em especial a equipe de profissionais do Pólo de Rolim de Moura – Rondônia pelo esforço e apoio. Por fim a todos a minha eterna gratidão!
“Não sei se a vida é curta ou longa
para nós, mas sei que nada do
que vivemos tem sentido, se não
tocarmos o coração das pessoas.
Muitas vezes basta ser: colo
que acolhe, braço que envolve,
palavra que conforta, silêncio
que respeita, alegria que
contagia, lágrima que corre,
olhar que acaricia, desejo que
sacia, amor que promove.
E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido
à vida. É o que faz com que ela não seja nem curta,
nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira,
pura enquanto durar. Feliz aquele que transfere o
que sabe e aprende o que ensina”.

                                                                             Cora Coralina































AUGUSTO, Tânia Mara. Violência Contra Idosos: um mal silencioso, revisão bibliográfica sobre a violência contra a pessoa idosa. 2013 42 fls. Trabalho de Conclusão de Curso (graduação em serviço social) – Sistema de Ensino Presencial Conectado, Universidade Norte do Paraná (UNOPAR), Rolim de Moura, 2013. 
              



RESUMO

O presente Trabalho de Conclusão de Curso teve como objetivo identificar o processo de violência contra o idoso e suas políticas de proteção, tendo como foco principal a violência cometida contra a pessoa idosa. No cenário brasileiro a violência contra o idoso não possui dados exatos devido a quem sofre a violência não denunciar porque geralmente os seus agressores fazem parte do seu convívio familiar, em sua maioria das vezes seus próprios filhos entre outros, o idoso se matem calado para não ter que romper os laços familiares. Essa pesquisa bibliográfica mostra que a maioria das denuncias de violência não são feitas pelas vitimas (idosos), mas sim por terceiros através de denuncias anônimas, profissionais de saúde entre outros. E também se pretende destacar as políticas de proteção ao idoso.

Palavras-chave: Idoso, Violência e Políticas se assistência.



AUGUSTO, Tania Mara. Violence Against Elderly: an evil silent, literature review on violence against the elderly. 2013 42 pgs. Completion of course work (undergraduate social work) - Connected Classroom Learning System, University of Northern Paraná (UNOPAR), Rolim de Moura, 2013.




ABSTRACT

This Labor Course Completion aimed to identify the process of violence against the elderly and their protection policies, focusing primarily on the violence committed against the elderly. In the Brazilian violence against the elderly do not have exact data due to those who suffer violence because they usually do not report their abusers are part of their family life, most of the time their own children and others, the senior was silent not to kill having to break family ties. This literature shows that most complaints of violence are not made by the victims (the elderly), but by third parties through anonymous complaints, health professionals and others. And also want to highlight the protection policies for the elderly.

Keywords: Elderly, Political Violence and whether assistance.

















SUMÁRIO

1. Introdução -------------------------------------------------------------------------------09

1.1Capítulos I: O envelhecimento mundial da população --------------------12

1.2 Capítulos II: Contextualização social da violência contra o idoso-----18

1.3 Capítulos III: Caminho para a proteção social ao idoso------------------38

1.4 Considerações finais---------------------------------------------------------------47

1.5 Referencias ---------------------------------------------------------------------------50












                                                                                              



1. Introdução

Com aumento da expectativa de vida a população idosa vem desafiando todos os setores sociais e afetando todas as dimensões da vida em sociedade, o envelhecimento é um fato marcante do século, isso ocorre devido as varias conquistas realizadas no campo tecnológico, cientifico e social ao longo dos anos.
Esse processo de crescimento da população idosa é muito acelerado alterando assim a vida dos indivíduos, as estruturas familiares e a dinâmica da sociedade essa nova distribuição etária vem transformando a demanda de políticas publica para essa parcela da população, especialmente para garantir e promover os direitos dessa crescente parcela da população.
O interesse ao escolher o tema “Violência Contra Idosos: Um Mal Silencioso” para o TCC que é uma analise bibliográfica sobre o crescente aumento da violência contra pessoa idosa, vem da como resultado da dialética entre a teoria e relatos da pratica  que estudamos durante a formação profissional, a partir desse pressuposto houve necessidade o interesse em analisar os aspectos, que levam a agressão a pessoa idosa, pela crescente divulgação de casos de violência.
O presente projeto consiste em um estudo sobre a violência intra-familiar contra os idosos, essa violência pode ocorrer de varias formas, que varia de simples, ofensiva, verbal ate mesmo agressão física e também psicológica e essas violências em sua maioria são praticadas no próprio seio familiar.
No olhar de alguns pesquisadores a violência domestica é um grande problema social, pois na maioria das vezes os idosos não denunciam as agressões sofridas porque o agressor e seu parente, assim tornando recorrentes as agressões e dificultando o trabalho de órgãos públicos que existem para garantir-lhes a proteção contra abusos e agressões sofridas.
As relações familiares e a convivência com idosos nos dia atuais tornaram-se um fenômeno mundial e social, já que este não é um fato novo, mais sim muito antigo e pouco discutido, que se tornou motivo de preocupação para toda sociedade e também para o poder publico, despertando assim o interesse pela problemática, de porque o ser humano pode ser tão violento com seus próprios familiares.
Para Faleiros (2007) A violência é um processo social relacional, pois deve ser entendido na estruturação da própria sociedade e das relações interpessoais, instrucionais e familiares.
A violência é um problema social, pois afeta o bem estar à segurança, o desenvolvimento pessoal e também acaba por afetar a auto-estima das vitimas, esse tipo de violência vem sendo alvo de pesquisas e estudos desde a década de 70, trazendo a tona reivindicações voltada para a proteção dos idosos.
No estatuto do idoso (2003) preconiza como pessoa idosa a que tem 60 anos ou mais. No artigo 3° do estatuto diz:

É obrigação da família, da comunidade da sociedade e do poder publico assegurar ao idoso, com absoluta prioridade, a efetivação do direito à vida, à saúde, à alimentação, à educação, à cultura, ao esporte, ao lazer, ao trabalho, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e à convivência familiar e comunitária.


O conteúdo tratado aqui é uma ferramenta para desenvolver o conhecimento sobre a temática “violência contra idosos”, tornando assim relevante a reflexão sobre os tipos de violência cometidos contra pessoa idosa por aqueles que deveriam ser seus garantidores de direito “sua família”, por ocorrer no seio familiar é que faz com que a vitima silencie o crime e com isso acaba por fortalecê-lo.
A finalidade deste trabalho é conhecer um pouco mais sobre um tema tão presente no cotidiano de todos, instigar a todos sobre como tratamos uma parcela da população que deveria ser motivo de orgulho e exemplo de experiência, e que hoje é tratado por muitos com uma cultura de idosos que dão trabalho, que são um problema, isso tem que mudar, pois os idosos têm muito a nos oferecer por tudo o que já viveram.
Este trabalho trata-se de uma revisão bibliográfica, sobre o tema “violência contra idosos”, para o desenvolvimento desse trabalho de conclusão de curso, serão utilizados livros, artigos, revistas, sites material voltado para a temática aqui desenvolvida. Os principais autores a serem estudados para a criação do presente material são: Vicente de Paula Faleiros, Maria Cecília de Souza Minayo, Estatuto do Idoso, LOAS lei n° 8662 de junho de 1993. 
Os livros de Faleiros e Minayo são obras voltadas a temática contida nesse trabalho, o estatuto do idoso e a lei que foi criada para garantir direitos a essa parcela da população e a LOAS é a lei que rege a atuação do assistente social em seu campo de trabalho, e através da leitura dos materiais disponíveis que ocorreu a criação do presente material com embasamento Teórico nos livros, artigos e outro material disponível.
O presente trabalho tem como objetivo geral: identificar o processo de violência contra o idoso e suas políticas de proteção.
Para poder atingir o objetivo geral, temos como objetivos específicos;
No primeiro capítulo, será desenvolvida uma breve analise que se direcionara a pessoas idosa, bem como  relatar o envelhecimento populacional e as dificuldades enfrentadas nesse processo.
No segundo  capítulo será abordado os aspectos do processo de violência contra a pessoa idosa, enunciado os tipos de violência cometida contra os idosos, bem como os conflitos familiares envolvidos na violência e quais as conseqüências dessa violência.

No terceiro capitulo será abordado as políticas de proteção ao idoso, sua importância e o papel do assistente social nesse contexto da questão social. E a importância que a sociedade se mobilize na proteção ao seus idosos, e que a assim cresça o fortalecimento de vínculos dentro do próprio seio familiar, a presença do  assistente social é uma importante ferramenta na garantia de direitos. 



Caros amigos por orientação dos professores não posso postar o restante do trabalho que são 51 paginas contendo gráficos, mas posso adiantar que foi um excelente trabalho.

3 comentários:

  1. parece que foi um excelente trabalho , pena que nâo foi possível analisa-lo todo!! seria possível voçe me enviar por email:( dagil2008@hotmail.com )quero aprender mais sobre este assunto. obrigada

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Adorei o tema o seu trabalho sou estudante de serviço social tbem ....vc indica algumas referencia para realizar um trabalho com esse tema e se puder enviar o seu trabalho pra ter uma base agradeço ....abilainy2004@yahoo.com.br

    ResponderExcluir